A COROA GAUCHA DE COPACABANA

TAVA EM COPACABANA E CONHECI UM COROA LOIRA, PÉS 38 SOLAS ROSADAS E LINDAS. ELA FAZIA PROGRAMA, A CONHECI LIGANDO PARA UM ANUNCIO DE JORNAL. FALAMOS SOBRE A PODOLATRIA, E QUE QUERIA LAMBER OS PÉS DELA. MARCAMOS DE IR NO APTO DELA. ERA EM COPACABANA MESMO, COM VISTA PARCIAL PARA O MAR. LA CHEGANDO, ELA ERA BEM BONITA, CHEIROSA, PELE MACIA, BRANQUINHA ESTILO GAUCHA. ELA PERGUNTOU SE EU ERA O CARA DOS PÉS, E ME LEVOU PARA O QUARTO. ELA ME OFERECEU OS PÉS, E EU TIREI SUAS SANDALIAS. OS PÉS DELA ERAM TUDOAQUILO QUE ELA FALOU. SOLAS ROSADAS, LISINHAS E MACIAS, COM ESMALTE BRANCO. TINHA FALADO QUE QUERIA LAMBER OS PÉS E FOTOGRAFAR EU LAMBENDO. ELA ENTÃO ME OFERECEU SEUS PÉS, PEGUEI AQUELE PÉ BRANQUINHO, TIREI A SANDALIA, E COMECEI A LAMBER A SOLA DELA. ELA SORRIU. GOSTOU. DISSE QUE SEMPRE TEVE VONTADE, MAS NUNCA TINHA FEITO. FIQUEI LAMBENDO AS SOLAS MACIAS DA GAUCHA, ELA SENTADA NA CAMA, E EU DO KADO, LAMBENDO A SOLA DO CALCANHAR AOS DEDOS, COM O OUTRO PÉ DELA JÁ DESCALÇO NO MEU COLO. ELA PERGUNTAVA SE EU GOSTAVA TANTO ASSIM, EU DIZIA QUE SIM. CHUPAVA OS DEDOS DO PÉ DELA, ELA SEMPRE COM UM SORRISO NA CARA. ELA MANDAVA EU LAMBER O PÉ DELA, DIZIA QUE TAVA GOSTOSO, QUE NÃO SABE PQ NUNCA TINHA FEITO ISSO ANTES. ELA OLHOU PARA O LADO E VIU A CAMERA E PERGUNTOU SE EU IA BATER AS FOTOS. DISSE QUE SIM E ELA PERGUNTOU COMO. DISSE QUE DARIA UM JEITO E ELA ENTÃO CHAMOU UMA MOCA QUE TRABALHAVA NA CASA DELA. A MOÇA VEIO E ELA PEDIU PARA ELA FOTOGRAFAR. NÃO PEDIU PARA NÃO SAIR, ROSTO, NADA. EU PASSEI A LAMBER OS PÉS DELA COM MAIS VONTADE, SENDO FLAGRADO PELA CAMERA, SABENDO QUE FICARIA REGISTRADO PARA SEMPRE OS PÉS DELA NA MINHA BOCA. DESLIZAVA A LINGUA GOSTOSO, LAMBIA COM FORÇA TODA AQUELA SOLINHA. ELA SENTADA NO CHÃO, EU AJOELHADO, LAMBENDO O PÉ DELA, E A MULHER FOTOGRAFANDO. EU A BOTAVA DE BRUÇOS, E LAMBIA A SOLA TODA, A MOÇA FOTOGRAFAVA. A CADA LAMBIDA, UMA FOTO, A CADA CHUPADA DE DEDO, UM FOTO. EU ESTAVA LOUCO, LAMBENDO O PÉ DE UMA NA FRENTE DE OUTRA. ATÉ QUE A MOÇA SAIU, E NOS DEIXOU A SÓS. EU ÇLAMBIA O PÉ DELA SEM PARAR, DEVORAVA AS SOLINHAS ROSADAS, LAMBIA CADA PEDACINHO DE PÉ, MAS MEU TEMPO ESTAVA ESGOTANDO. ELA PEDIU PARA EU DEITAR. EU DEITEI. ELA PEDIU PARA EU VIRAR PARA O OUTRO LADO DA CAMA. NÃO ENTENDI NADA MAS VIREI. ELA MONTOU EM MIM E COMEÇOU A CHUPAR MEU PAU ENQUANTO EU LAMBIA OS PÉS DELA. SÓ QUE ELA TAVA TARADA, CHUPAVA DEMAIS. OLHAVA EM DIREÇAO A PAREDE, LAMBIA MEU SACO, CHUPAVA MEU PAU, LAMBIA O PAU, A CABECINHA, ENFIAVA NA BOCA E ENGOLIA TUDO. TAVA ADORANDO E GOZEI. ME LIMPEI, ELA DEITADA, PEDI QUE FICASSE DE BRUÇOS E PARA DESPEDIR, LAMBI AS SOLAS DELA MAIS UM POUQUINHO. ELA ENTÃO FALOU QUE SE DANE. E CHAMOU A EMPREGADA. A EMPREGADA VEIO, E ELA DISSE, EU MEREÇO UM TEMPO PARA MIM, DESMARCA TUDO QUE VOU RELAXAR. NISSO ENTROU UMA AMIGA DELA QUE QUE TINHA CHEGADO PARA IREM NÃO SEI ONDE. AINDA DEITADA DISSE PARA MIM, NÃO PRECISAR IR EMBORA, PODE FICAR A VONTADE, PODE LAMBER MEUS PÉS O QUANTO QUISER, QUE HOJE VOU TIRAR UM TEMPO PARA MIM. EU FIQUEI MUITO EXCITADO, LAMBIA A SOLA SEM PARAR, POIS AGORA ELA É QUEM QUERIA ME DAR OS PÉS, ELA QUE QUERIA TER OS PÉS LAMBIDOS. A AMIGA OLHOU EU LAMBENDO OS PÉS DELA E ELA CURTINDO, E DISSE SO PATETIC. FIQUEI BOLADO, MAS NÃO DEI IMPORTANCIA. A GAUCHA MANDOU ELA SAIR, POIS IRIA TER O TEMPO DELA. EU NÃO PARAVA DE LAMBER, DESLIZAVA A LINGUA COM FORÇA NA SOLA TODA, LEVANTAVA O PÉ E CHUPAVA TODOS OS DEDOS JUNTOS, EU NÇAO DEIXAVA NADA SECO, O PÉ DELA TAVA TODO BABADO, E ASSIM FIQUEI POR MAIS DE 2 HORAS. A CADA LAMBIDA, UM GEMIDO. ELA GEMIA E DIZIA, PUTA QUE PARIU, ISSO É MUITO BOM. EU LAMBIA SEM PARAR, ELA PEDIA MAIS. GOZEI MAIS DUAS VEZES, JA ERA TARDE DA NOITE E TINHA QUE PARTIR. EU TRABALHAVA NO DIA SEGUINTE. EU AGRADECI E ME DESPEDI. ELA DISSE PARA EU VOLTAR SEMPRE. EU DISSE QUE ADORARIA, MAS NÃO TERIA COMO, POIS NÃO TERIA COMO PAGA-LA. MAS VIRIA SEMPRE QUE TIVESSE GRANA. ELA DISSE ENTÃO QUE EU PODERIA VIM SEMPRE, QUE NÃO PRECISARIA PAGAR,MAS QUE SE CHEGASSE CLIENTE EU TERIA QUE PARAR E ESPERAR. DISSE QUE EU PODERIA VER PELO OLHO MAGICO. AI ME MOSTROU UM FURO NA PAREDE, ESCONDIDO. POR ISSO ELA PEDIU PARA EU VIRAR NA HORA DO BOQUETE, POIS A EMPREGADA PODIA VER MELHOR, ELA CHUPOU SABENDO QUE A MOÇA ESTAVA VENDO. ELA SE EXCITAVA COM ISSO. PASSEI A VOLTAR TODA A SEMANA. LAMBIA O PÉ DELA SABENDO QUE A EMPREGADA ASSISTIA PELO BURAQUINHO KKKKK

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *