A irmanzinha Tarada

A irmanzinha Tarada

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
Telegram 
Entre agora!

Olá me chamo Douglas 1,68 alt , 34 anos ,moreno uns 80 kg, sempre estive um pouquinho acima do peso mas nada demais. Eu sou solteiro e sou evangélico. Hoje tenho um trabalho bacana e moro sozinho. Há uns 2 meses atrás logo após a virada de 2020 eu estava fazendo um serviço extra na cidade onde moro, uma cidade pequena no litoral norte de Santa Catarina, foi então que uma senhora evangélica que faz parte dos meus amigos no Facebook me viu. Eu ja tinha tentado puxar conversa com ela no messenger mas ela não respondia, e então ao me ver ela ficou interessada e começou a conversar comigo. Ela com seus 40 anos, branquinha, magra, mais ou menos 1,60 alt começou a me falar dos seus relacionamentos conturbados. Papo vai, papo vem a convidei pra comer um lanche pra gente nos conhecermos pessoalmente, ela topou e então marcamos de sair!! Quando cheguei na casa dela, ja fui recebido com um beijo na boca, daqueles que te tira o fôlego e ela falou no meu ouvido que “QUERIA ME AMASSAR TODINHO”.

Ja fiquei de pau duro e logo ja tentei encurtar a nossa saída e voltar logo pra casa dela, pra ver o que ela era capaz de fazer. Ela confessou que ja tinha quase 2 anos que tinha se separado, então estava doida pra fuder bem gostoso. Demoramos umas meia hora só, ja voltei pra casa dela doido pra meter naquela bucetinha que na minha imaginação estaria toda meladinha naquela altura. Ao entrar na sua residência ela.ja logo agarrou o meu pau por cima da calça e ja foi me puxando pro quarto, no caminho ja fui tirando a camisa e jogando ali mesmo pelo corredor, quando ela abriu o zíper da minha calça e pegou o meu pau deu pra ver aquele olhar de safada , ela ja de joelhos começou a mamar a minha pica bem devagar, depois com voracidade, tentou engolir inteira mas só conseguiu a metade, ali eu percebi a vontade que ela estava de foder. Puxei ela pelos cabelos e joguei em cima da cama e fui tirando a sua roupa, ela tinha uma bundinha redondinha, pernas firmes e uma bucetinha maravilhosa, fui mordiscando o seu pescoço, chupando os seus seios ,embora um pouco pequenos mas deliciosos, desci com minha lingua pela sua barriguinha e cheguei na sua buceta , meladinha, toda lisinha, caí de boca, chupei bem gostoso até ela começar a tremer e num grito bem gostoso anunciar que iria gozar, eu particularmente adoro quando uma mulher goza na minha boca, gosto de sentir o melzinho dela todinho escorrendo na minha boca. Depois de gozar ela ja estava quase implorando pra eu meter o meu pau na sua buceta faminta. Então enquanto eu estava abrindo a camisinha ela estava ali se deliciando com o meu pau na boca, chupando e mordendo de leve a cabeça da minha rola, após colocar o preservativo pincelei o meu pau bem devagar naquela buceta toda meladinha e fui empurrando devagar, quando a cabeça da minha pica entrou na sua buceta senti ela estremecer mais uma vez, era mais uma gozada. Comecei a bombar gostoso, ela as vezes tentava colocar a mão pra não deixar meu pau entrar todinho, mas ela adorava, depois de uns 15 minutos metendo nela ali toda arreganhada, pedi que ela viesse por cima e cavalgasse no meu pau, ela obedeceu rapidinho, desse jeito ela cavalgava e eu chupava os seus peitos ao mesmo tempo, aumentando assim o seu tesão. Ela gritava as vezes e começou a se preocupar com os vizinhos, mas depois de um tempo ela não conseguiu se controlar e gritava cada vez mais alto. Aquelea gritos me levavam a loucura, coloquei ela de quatro e pude apreciar aquela bundinha redondinha arrebitada, foi então que numa estocada só enfiei meu pau todo naquela buceta gostosa, ela deu mais um gritinho e se soltou de vez, puxei ps seus cabelos trazendo ela mais pra perto de mim, ela ficou um pouco mais de bundinha arrebitada e aquele cuzinho lindo ali piscando, cada vez que meu pau entrava na sua buceta ela piscava o cuzinho, dei um tapa naquela bunda , ela tentou correr mas estava segura pelos cabelos, deu pra notar minha mão desenhada naquela bunda pequena, ela ficou um pouco surpresa mas adorou, pediu mais tapa no rabo e eu obedeci.

Quando estava quase perto de gozar coloquei ela de franguinho assado e comecei a bombar cada vez mais fundo na sua buceta, ai ela pediu que eu gozasse na cara dela, tirei a camisinha e coloquei ela pra punhetar de leve o meu pau e bem pertinho da cara dela, quando gozei minha porra foi direto nos seus olhos e boca, e vi aquele leite escorrer por seus peitos e boca, deitei ali do seu lado e conversamos mais um pouco, e logo meu pau estava duro de novo.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
thor hammer gel amostra grátis

Ainda estou transando com ela de vez em quando, estou tentando comer aquele cuzinho , assim que eu conseguir eu conto como foi.

Se alguém quiser entrar em contato meu e-mail é [email protected]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *