O dia que virei uma diabinha!

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
Telegram 
Entre agora!

Olá amores, hoje não vou me descrever fisicamente porque já fiz isso nos contos anteriores e vou deixar um link para vocês verem algumas fotos minhas! Vamos ao conto.

Quando eu tinha 16 anos (hoje estou com 23), recebi um convite no Facebook de uma mulher chamada Raquel. Ela era produtora de casting de uma agência de modelos. Basicamente ficava procurando meninas na internet e quando achava alguma que considerava com potencial para modelar, entrava em contato para uma avaliação na agência.

Eu, apesar de ser uma baixinha de 1,60m, sempre fui muito elogiada pela minha aparência e, até onde eu sabia, a falta de estatura não influenciava trabalhos fotográficos. Falei com meu pai sobre o assunto, ele não gostou nada da ideia e me proibiu de ir no dia da avaliação. Ele me disse que se eu quisesse mesmo tentar algo nesse ramo, ele me levaria em outra agência de um amigo dele. Meu pai trabalha com publicidade e conhece muita gente nessa área, mesmo assim eu fiquei muito brava, mas não podia fazer nada.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
thor hammer gel amostra grátis

Raquel, a produtora que estava em contato comigo, me disse que isso acontecia às vezes, de os pais não confiarem em uma abordagem via internet, e me sugeriu que enviasse fotos pra ela pela internet. Tirei algumas fotos de biquíni, lingerie e alguns looks diferentes e mandei achando que não ia dar em nada, e realmente não deu. Apesar de eu ter entrado para o catálogo da agência, nenhum job apareceu.

Mas depois de um tempo, cerca de 2 meses, recebi uma nova mensagem no Facebook. Um cara chamado Maurício, que se dizia representante do site Não Salvo, elogiou muito o meu corpo. Disse que teve acesso ao meu catálogo de fotos na agência e perguntou se eu tinha interesse de expor fotos no site deles. Eu não conhecia o site e quando acessei, vi que era uma sessão específica chamada “Diabinhas” e que as meninas postavam lá suas fotos sensuais.

A ideia a princípio era absurda, achei uma exposição desnecessária, mas imaginar vários homens acessando o site e me desejando era algo que me excitava. Ele insistiu por duas semanas até me convencer a mandar as fotos. A única exigência minha era que não mostrasse meu rosto, como a maioria das meninas fazem lá.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
thor hammer gel amostra grátis

No dia de fazer as fotos, ele me chamou no Skype e abrimos a webcam para conversarmos. Ele dizia que eu era muito linda e que não via a hora de receber minhas fotos. Começou me xavecar, algo que eu já esperava, e eu passei a reparar melhor nele. Tinha em torno de 40 anos, meio grisalho já e com uma barba bem ralinha de quem se cuida bem. Ele tinha um charme especial, apesar de não ser tão lindo e nem tão gostoso. Tinha o hábito de correr e jogar bola, segundo ele, só pra não engordar. Mas o papo era maravilhoso e sua voz era muito bonita.

Falei pra ele que iria desligar para tirar as fotos. Ele quase implorou para eu deixá-lo acompanhar meu “ensaio” e essa ideia me deixou cheia de tesão. Eu já tinha colocado a minha calcinha mais sensual, preta e estava só com uma camisola de seda, também preta, por cima. Ele dizia que seria maravilhoso me ver tirando as fotos, jurou que não gravaria e nem tiraria prints. Eu como adoro me exibir e confiando no papo dele, deixei que ele acompanhasse.

Foi engraçado porque, por segurança, entrei no banheiro do meu quarto com o meu celular e o notebook e me tranquei para fazer as fotos. Meu pai estava em casa, no quarto dele vendo TV, mas assim, trancada na suíte, eu me senti mais segura.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
Telegram 
Entre agora!

Assim que entrei no banheiro, apoiei o notebook na pia e olhei pro Maurício com certa timidez. Ele sorriu e me chamou de linda novamente. Ele, de fato, sabe como convencer uma garota. Olhei pra ele e disse:

– Preparado?

Ele deu sorriso lindo e disse

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE
Telegram 
Entre agora!

– Sempre!

Sem fazer muito charme, tirei minha camisola de uma vez e fiquei só de calcinha na frente dele que babava em mim pela webcam. G-O-S-T-O-S-A, foi a única mensagem que ele enviou e me fez rir muito. Agradeci e peguei meu celular para resolver logo, não podia demorar muito.

Quando fiz a primeira pose, ele me interrompeu. Disse que eu precisava escrever “NS”, de Não Salvo, em algum lugar do meu corpo pra homenagear o site. Escrevi, com batom, na minha barriguinha, perto da calcinha. “Agora sim”, ele disse.

Tirei várias fotos, percebi que ele me observava fixamente e ia à loucura quando eu me virava para fotografar o bumbum, deve ser a parte do meu corpo que ele mais gostou, apesar de elogiar meus seios e meu sorriso.

Umas 40 fotos depois, resolvi encerrar. Já tinha várias para selecionar as melhores e quando olhei pra ele, estava com a mão no seu pau. Perguntei se estava tudo, rs. Ele me disse que eu tinha deixado ele muito excitado. Eu também estava molhadinha com aquela situação e perguntei:

Posso ver?

Sem pensar 2x, ele abaixo sua calça e expôs o maior pau que eu já vi. Eu assustei e ele percebeu minha reação. Então ele falou:

– 23cm não é pra qualquer um!

Eu ri muito e respondi:

– Realmente você é um privilegiado!

O safado partiu pra cima de vez:

– Privilegiada é quem pode provar ele. Chupar, sentar, tocar.

Foi a deixa para a baixaria começar de vez. Eu disse que adoraria ter esse privilégio e ele me pediu para tirar a calcinha também. Queria me ver todinha nua. Claro que tirei tudo e começamos a nos tocar simultaneamente em frente à câmera. Ele se masturbava me olhando fixamente e ficou muito gostoso com aquele olhar de coroa tarado. Eu me tocava, apertava meus seios, acariciava meu clitóris e me penetrava com os dedos dando gemidinhos bem baixinhos, só pra ele ouvir.

Ele disse que ia gozar e na hora deu um gemido alto, deixando toda aquela porra escorrer pelo seu pau enorme. Adorei ver aquela cena. Logo depois ele disse que precisava ir, sua esposa iria chegar e ele precisava limpar aquela bagunça. Nos despedimos e eu entrei no banho para terminar de me aliviar, gozei gostoso com o chuveirinho pensando no Maurício e em quanto eu queria dar pra ele.

Depois do banho selecionei as melhores fotos e mandei pra ele por e-mail. Cerca de meia hora depois recebi o retorno do e-mail com o link das minhas fotos publicadas. O link é este que segue abaixo, espero que gostem do meu “ensaio”!

https://diabinhas.naosalvo.com.br/?s=b.b

Beijinhos!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *